Passatempos Online

Home » Home Cinema » “Elephant” de Gus Van Sant

“Elephant” de Gus Van Sant


Brilhante ou monótono?

Para mim esta é a grande questão em relação a este filme de Gus Van Sant. Apesar da Palma de Ouro em Cannes, em 2003 (e do prémio de Melhor Realizador nesse mesmo festival) havia qualquer coisa que não me atraia neste filme.

Depois de o ver ficou perfeitamente claro para mim porque não o vi no cinema, mas percebi igualmente o porquê de muitos o aclamarem como uma obra sublime!

No fundo existe uma linha muito estreita entre ser besta ou bestial e este filme é a prova clara disso. Momentos houve em que tive de fazer um esforço para não adormecer, outros em que a tenção me corria nas veias. No final a sensação de dever cumprido. Não por o filme ter acabado, mas sim, por me sentir aliviado depois de ter presenciado uma obra sufocante, provocatória, quiçá, sublime.

Tendo como referencia o massacre de Columbine, em que dois jovens estudantes assassinaram mais de uma dezena de colegas seus, Gus Van Sant filma, de forma “diferente”, aquilo que seria um dia normal (ou monótono) num liceu norte-americano, até ao momento em que algo de grotesco (ou brilhante) acaba por abalar a vida de alguns dos seus alunos.

Recorrendo a actores desconhecidos e com pouca (ou nenhuma) experiência, o realizador consegue transmitir uma honestidade e veracidade aos factos, várias vezes avassaladora.

Poderá ser apenas mais um filme monótono mas com certeza que ninguém lhe ficará indiferente.

Site Oficial
Trailer

Leave a Reply

%d bloggers like this: