Home » Nota Pessoal » Nota Pessoal (25ª) – Temporada dos Oscars 2009 IV

Nota Pessoal (25ª) – Temporada dos Oscars 2009 IV

.
Escrutinados os primeiros premiados e nomeados no que diz respeito aos Melhores Filmes, Actores, Realizador e Argumentista no Ano, penso ser de inteira justiça estender esta reflexão às restantes (ou a uma grande parte das) categorias especificamente técnicas.

Sem qualquer critério de importância, relevância ou interesse pessoal aqui ficam as primeiras observações.

No que diz respeito aos Efeitos Especiais/Visuais depois de assistir a AVATAR (muito em breve o nosso comentário!) restam-me poucas dúvidas que irá arrebatar por completo os prémios nesta categoria.
Ainda assim será sempre de louvar (e de aguardar alguma surpresa, perante) o trabalho desenvolvido em filmes como A CHRISTMAS CAROL (fantásticos os avanços ao nível do Performance Capture), 2012 e a sua destruição do Mundo, STAR TREK (confirmando que a guerra das estrelas pode ser levada para outra dimensão), da revolução de cenários em TERMINATOR: SALVATION, dos gigantescos robots de TRANSFORMERS 2 e, porque não, DISTRICT 9 e a forma despretensiosa com que são representados “verdadeiros” aliens.

No entanto será inevitável regressar a AVATAR enquanto prosseguimos.
Se visualmente o filme é realmente um regalo, isto também se fica a dever ao imenso trabalho de Caracterização, Fotografia, Direcção Artística

No entanto, não me parece que nestas outras categorias a unanimidade seja assim tão fácil de alcançar.

Se Caracterização são igualmente brilhantes, por exemplo, os trabalhos em DISTRIC 9 ou STAR TREK, já na Fotografia muito de tem falado do preto e branco de DAS WEISSE BAND, do pós-apocalíptico em THE ROAD, no rigoroso PUBLIC ENEMIES ou no árido THE HURT LOCKER.

No que diz respeito ao Som e Efeitos Sonoros, os suspeitos serão os do costume. A única novidade poderá vir de NINE, o musical sobre o qual recaem muitas expectativas!

Por fim, a Montagem. Nos últimos anos é umas das categorias que tem vindo a ganhar maior relevo, sobretudo pela crescente necessidade dos filmes se tornarem obras mais adaptadas a uma sociedade em constante frenesim e mutação. Longe vão os tempos dos longos plano (à la Manoel de Oliveira). Hoje em dia o cinema, tal como qualquer outro entretenimento, sente-se obrigado a correr sob pena de defraudar os seus “consumidores”. Neste sentido AVATAR e o electrizante THE HURT LOCKER parecem partir na linha da frente, ainda assim sustento a minha curiosidade relativamente a filmes como UP IN THE AIR, THE ROAD ou A SERIOUS MAN.

E é tudo!
… por agora!

About

Já vão 10 anos desde que começámos este projeto. Expandimos para o facebook, para o twitter, para o youtube para o instagram e agora temos um site personalizado. Publicamos crítica, oferecemos convites e partilhamos a nossa paixão pelo cinema. Obrigado por fazeres parte dela!

Pub

Deixar uma resposta

%d bloggers like this: