Passatempos

Home » Estreias » “O Turista (The Tourist)” de Florian Henckel von Donnersmarck

“O Turista (The Tourist)” de Florian Henckel von Donnersmarck


Ao saberem da sua nomeação para os Golden Globes (Melhor Actriz e melhor Actor de Comédia/Musical) consta-se que Angeline Jolie e Johnny Depp não conseguiram conter o seu sorriso…

Ora, The Tourist é precisamente esse género de filme! Um bom entretenimento que não deverá ser levado a sério… mas, de qualquer forma, um bom entretenimento!

Será fácil perspectivar os detractores a criticar os tiques de Depp e a magreza de Jolie, ou então os mais conhecedores a julgar a opção do alemão Florian Henckel von Donnersmarck em prosseguir a sua carreira (após o premiado A Vida dos Outros – Das Leben der Anderen no original) com uma obra “menor”.

Pois bem, meus caros, quem nunca vos explicou (que a inveja é um pecado capital e) que o cinema para além de arte é diversão/entretenimento, fez de vocês – onde se incluem a maioria dos críticos nacionais – uns eruditos sem poleiro!

Venha quem vier, The Tourist é um filme fascinante que nos prende a cada momento e que nos surpreende a cada instante. É divertido, sedutor, imaginativo e faz por Veneza o que Vicky Cristina Barcelona fez por Barcelona, ou seja, deixa-nos com um imenso balde de água-na-boca!

Veneza, rapidamente transforma-se na mais sedutora das personagens do filme, transmitindo-lhe um ar misterioso e requintado. E aqui, tal como os canais que percorrem a cidade italiana, também o filme é uma encruzilhada de destinos, de desejos, de… perigos.

Frank Tupelo (Depp) é um simples turista norte-americano a caminho de Veneza quando a bela e sedutora Elise (Jolie) o aborda no bar do TGV que os conduz até à mítica cidade. No entanto, enquanto que tudo o que Frank pretende é esquecer o seu passado, Elise tem outros planos bem mais tentadores (e perigosos)!
Envolvidos por entre um enorme conjunto de mal-entendidos e de identidades trocadas, os caminhos de Frank e Elise irão cruzar-se diversas vezes, tornando Veneza num local bem mais periclitante e romântico do que seria de esperar…

Durante mais de 1h30 sentimo-nos percorrer os canais, os hotéis, as festas e os telhados(??) da pérola do Adriático, num ritmo descontraído e bem humorado mas sem nunca perder o frenesim que persegue os protagonistas.

É agradável, é inteligente, é divertido, é cinema made in Hollywood para consumo global!
… doa a quem doer!

Por mim, só para ver Depp ou Jolie, já valia o bilhete!

Site Oficial
Trailer
Trailer 2

About

Já vão 16 anos desde que começámos este projeto. Expandimos para o facebook, para o twitter, para o youtube para o instagram e agora temos um site personalizado. Publicamos crítica, oferecemos convites e partilhamos a nossa paixão pelo cinema. Obrigado por fazeres parte dela!

  1. "É agradável, é inteligente, é divertido, é cinema made in Hollywood para consumo global!
    … doa a quem doer!"

    Esta frase que escreveu e que cito é pura verdade.

    Eu também gostei bastante de ver "O Turista": 4*

    "O Turista" tem momentos hilariantes e cenas de pura ação, tem também surpreendentes reviravoltas e uma pitada de romance.
    "The Tourist" tem um bom elenco e uma boa química entre os protagonistas, o que mostra a qualidade do filme.

    Cumprimentos, Frederico.

    E parabéns pela análise.

Leave a Reply

%d bloggers like this: