Home » Estreias » “O Conselheiro (The Counselor)” de Ridley Scott

“O Conselheiro (The Counselor)” de Ridley Scott


Não há como contornar a questão, o filme ficou longe de atingir as expetativas criadas em seu redor…

Ridley Scott como realizador. Um elenco com Michael Fassbender, Javier Bardem, Cameron Diaz, Penélope Cruz e Brad Pitt. Um argumento original da autoria de Cormarc McCarthy – o autor de No Country For Old Men e The Road. É fácil perceber que tudo apontava para uma obra bem acima da média… o que não é, no final, o caso.

O filme está recheado de cenas diferentes – a começar logo pela de abertura – que despertam a curiosidade e deixam a sua marca mas tem também outras – especialmente mais lá para o fim – que surgem demasiado desconexadas e incoerentes. Bem sei que Cormac tem um estilo de escrita altamente irreverente e explícito mas a dada altura o todo tem de fazer algum sentido.

Fassbender é o Conselheiro que dá nome ao filme. Advogado de profissão, com alguns clientes pouco recomendáveis, ele irá envolver-se num complexo caso de tráfico de droga, intermediado pelo seu parceiro de negócios, Reiner (Bardem). E de um momento para o outro o mundo, tal como o Conselheiro o conhecia, irá mudar para sempre!

A sinopse pode parecer linear mas o que acontece durante as quase 2h de filme, é tudo menos previsível. Coincidências, imprevistos, traições, conspirações e uma dose moderada de misdirection, tornaram este The Counselor numa das obras mais fervorosamente discutidas deste final de ano.

Nada a apontar aos desempenhos do elenco. Cada um à sua maneira acaba por nos oferecer um registo bem diferente do que estamos habituados (a única exceção será, por ventura, Penélope), demonstrando todos a qualidade e o talento de algumas das principais figuras de proa do cinema mundial.

O mesmo não consigo dizer do argumento de Cormac e da realização de Scott. Há muitas perguntas que ficam por responder, há várias situações que surgem do nada e há, sobretudo, uma noção de que quanto mais complexa a teia parecer mais artístico é o resultado final.

Por muito que me custe a admitir, os ingredientes estão todos lá mas há algo que não funciona…
… pelo menos para mim!

Site Oficial
Trailer

About

Já vão 10 anos desde que começámos este projeto. Expandimos para o facebook, para o twitter, para o youtube para o instagram e agora temos um site personalizado. Publicamos crítica, oferecemos convites e partilhamos a nossa paixão pelo cinema. Obrigado por fazeres parte dela!

Pub

Deixar uma resposta

%d bloggers like this: