Home » Estreias » “Capitão América: O Soldado do Inverno (Captain America: The Winter Soldier)” de Anthony e Joe Russo

“Capitão América: O Soldado do Inverno (Captain America: The Winter Soldier)” de Anthony e Joe Russo


Finalmente!

O maior super-herói da minha infância, o mais intrépido e enigmático dos Vingadores, o líder, o ídolo, o supra-sumo dos comics de aventuras e entretenimento tem, finalmente, o “tratamento” cinematográfico merecido!

Depois de em The First Avenger ter sobrado um certo sabor a desconsolo e de em The Avengers ter sentido dificuldades em superar os seus parceiros, eis que surge The Winter Soldier e o Capitão conquista por completo a 7ª arte!

Já tinha afirmado antes as minhas dúvidas quanto à escolha de Chris Evans para Captain, não pela qualidade do ator norte-americano ou pela vocação para fazer de super-herói mas, simplesmente, porque o imaginava mais maduro, mais seguro, mais imponente. Mas até ele parece revigorado e mais confiante.

Depois dos acontecimentos de Nova-Iorque, voltamos a encontrar-nos com Steve Rogers (em Washington D.C.) enquanto este continua a tentar adaptar-se aos nossos tempos. Nick Fury (Samuel L. Jackson) e Natasha Romanoff (Scarlett Johansson) permanecem fielmente a seu lado até que uma inesperada ameaça irá por em causa tudo o que Steve conhece(u).

Novos vilões. novos aliados, antigos trabalhos. Pode parecer que o mundo evoluiu (enquanto Captain America esteve congelado) mas o bem e o mal, a ganância e a prepotência, a corrupção e o poder (absoluto) continuam tão atuais como nunca.
Pois é, temos o cenário psicológico e emocional criado, o que se segue é do mais competente cinema de entretenimento e aventuras de que há memória.

O ritmo é incessante. O encadeamento de ocorrências coerente e eletrizante como poucos. Os efeitos especiais competentíssimos. A história evolui com algumas surpresas e revelações mas, acima de tudo, com a dose certa de intriga, bom humor, camaradagem, loucura e entretenimento.

Confesso, se fosse ainda necessário, a minha profunda admiração pelo trabalho apresentado por Anthony e Joe Russo. Os irmãos de Cleveland que ganharam fama e prestigio fruto do seu trabalho na série Arrested Development, não complicam, antes pelo contrário, demonstram que, muitas vezes, está na simplicidade dos enredo, dos cenários e das personagens, o verdadeiro valor de um grande blockbuster. Não será por acaso que a Marvel já renovou contrato com os irmãos para o terceiro capítulo das aventuras (a solo) de Captain America.

Resta-nos alertar para a necessidade de aguentar até mesmo ao final dos créditos para ver a 2ª (sim, segunda) cena extra, elas que permitem fazer a ligação a Age of Ultron e Cap. America 3, respetivamente!

Divirtam-se, desfrutem e deliciem-se.
Finalmente, o “sonho de criança” foi concretizado!

Site Oficial
Trailer

About

Já vão 12 anos desde que começámos este projeto. Expandimos para o facebook, para o twitter, para o youtube para o instagram e agora temos um site personalizado. Publicamos crítica, oferecemos convites e partilhamos a nossa paixão pelo cinema. Obrigado por fazeres parte dela!

Pub

Comments

  1. Concordo com a análise, o filme é excelente. 😀
    5*
    O meu Vingador favorito é o Thor, o segundo favorito é o Captain America.

Deixar uma resposta

%d bloggers like this: