Home » Estreias » “Kingsman: Serviços Secretos (Kingsman: The Secret Service)” de Matthew Vaughn

“Kingsman: Serviços Secretos (Kingsman: The Secret Service)” de Matthew Vaughn


Uma das surpresas deste início de ano…
mas só para quem não viu Kick-Ass!

Matthew Vaughn é um dos grandes realizadores de blockbusters dos últimos anos. Kick-Ass, First Class e agora este Kingsman demonstram um virtuosismo invulgar em (re)construir grandes franchises…. que curiosamente são depois (mal) aproveitados por outros realizados.
A maior prova de todo o seu talento está, curiosamente em Kick-Ass 2 e Days of Future Past, duas sequelas que ficaram aquém dos seus antecessores, apesar da tarefa estar (em teoria) bem mais facilitada.

Desta vez, Matthew “joga em casa”, levando para o grande ecrã um típico british gentleman, inspirado em James Bond e muitos outros agentes secretos que populam o imaginário cinematográfico de todos nós. Mas Kingsman não se contenta em enveredar por esse sempre atraente mundo de espiões, super vilões e organizações ultra secretas, aposta, sim, em marca a diferença!

Explosivo, estonteante, irreverente… e com uma temática bem próxima de Kick-Ass. Não será por acaso que voltamos à figura paterna, às imagens visualmente explícitas, ao “nascimento” de jovens super-heróis, às parcerias… e ainda a outros detalhes que não interessa revelar.

Sim, existem semelhanças a mais, mas ninguém disse que isso seria, necessariamente, mau!
Colin Firth é irrepreensível como Harry Hart. Do snobismo londrino à destreza física, Colin convence tanto de smoking e cocktail na mão como de punho cerrado e arma na outra (mão). Sempre com a mesmíssima classe e requinte, para nosso deleite.
Os veteranos Michael Caine, Mark Strong e Samuel L. Jackson não desiludem enquanto o jovem estreante Taron Egerton parece ter vindo mesmo para ficar!

Kingsman é uma organização ultra-secreta que segue um rígido código de conduta, profundamente britânico, onde o cavalheirismo, o humor seco e a capacidade de distribuir porrada andam de mãos dadas. Galahad (Firth) é um dos seus mais competente operativos que coloca a sua reputação em risco ao indicar o imprevisível Eggsy (Egerton) para o programa de recrutamento da organização.
Enquanto o jovem prossegue o seu percurso de formação, o veterano agente investiga Valentine (Jackson) um milionário norte-americano com tendências megalómanas.

Vaughn volta a confirmar todo o seu talento, adaptando a sua visão dos super-heróis dos nossos dias ao intrigante universo dos agentes secretos. Para além do talento percebe-se a coragem do realizador londrino em quebrar fronteiras e testar (novos) limites.

O humor é ácido, a violência (provavelmente) excessiva e o enredo previsível mas é tudo regado com um ritmo incessante, uma inteligência aprimorada e um sentido de auto-crítica invulgar.

São 2h a alta velocidade, culminando com um mítico fogo de artifício!
…e Matthew Vaughn a conquistar ainda mais apreciadores.

Site
Trailer

About

Já vão 10 anos desde que começámos este projeto. Expandimos para o facebook, para o twitter, para o youtube para o instagram e agora temos um site personalizado. Publicamos crítica, oferecemos convites e partilhamos a nossa paixão pelo cinema. Obrigado por fazeres parte dela!

Pub

Comments

Deixar uma resposta

%d bloggers like this: