Home » Estreias » “Viram-se, Novamente, Gregos para Casar (My Big Fat Greek Wedding 2)” de Kirk Jones

“Viram-se, Novamente, Gregos para Casar (My Big Fat Greek Wedding 2)” de Kirk Jones


Já não há muitas comédias assim…. daquelas que podemos levar os avós e os netos, em conjunto, ao cinema.

Simples, sincera, divertida e real, My Big Fat Greek Wedding 2 traz consigo o peso da nomeação aos Oscars® alcançada pelo filme original – por Melhor Argumento Original – e 14 anos de diferença! Parece incrível, mesmo para quem anda neste andanças há tanto tempo, mas Nia Vardalos e John Corbett (ok!, Toula e Ian) conheceram-se, apaixonaram-se e casaram há quase década e meia!

De lá para cá muito mudou: o emprego, a filha, a própria relação. A única coisa que se manteve inalterada foi… a peculiar Família Grega da noiva. A Família, e todas as suas maluqueiras, psicoses, hábitos, manias, maluqueiras, camaradagem, amizade, proximidade e intromissão. Aparentemente tudo aquilo que um bom grego se orgulha de ser!

A principal diferença face ao primeiro filme é a ausência de um foco concreto. Toula e Ian continuam a ser o epicentro da questão mas agora têm de partilhar “tempo de antena” com a filha adolescente, os pais dela, a tia dela, os irmãos dela, os primos dela, os vizinhos e o cachorro. A dada altura percebemos que não se trata propriamente de um filme (com princípio, meio e fim) mas bem mais de um episódio típico de uma Modern Greek Family.

Numa era em que a TV e o cinema se complementam e partilham histórias, não seria de estranhar que os Portokalos chegassem rapidamente ao pequeno ecrã. Da nossa parte, seria um prazer ocupar umas horinhas da box a gravar cada temporada.

São várias as pequenas histórias que vão evoluindo. Paris (Elena Kampouris) já não é mais uma criança e mesmo sendo exagerada a insistência do avô (Michael Constantine) para que arranje um marido, começa a ser complicado para os pais gerir a sua natural sede por espaço e liberdade. No entretanto, Toula e Ian procuram reavivar um casamento acomodado às constantes solicitações da família dela e à permanente preocupação com o dia-a-dia da filha. Por seu lado, primos, tios, sobrinhos e demais familiares continuam a semear o “pânico” um pouco por todo o lado. E haverá um casamento, obrigatoriamente!

Para além de recuperar o espírito do anterior filme – muito por culpa do argumento de Nia Vardalos – de louvar, igualmente, o regresso de todo o elenco do filme original. Mais “experientes”, naturalmente, mas com a mesma ânsia de divertir e dar a conhecer um povo, de facto, sui generis. No final, quem não gostaria de ter uma Família assim?!?

Programa ideal para uma matiné chuvosa ou mais solarenga, My Big Fat Greek Wedding 2 é a desculpa perfeita para juntar TODA a família em frente da grande tela. Pela amostra que tivemos a oportunidade de apreciar (na antestreia), não há avó/avô que não se deixe encantar por estes Gregos!

Ide, ide… e levem a família.

Site
Trailer

About

Já vão 10 anos desde que começámos este projeto. Expandimos para o facebook, para o twitter, para o youtube para o instagram e agora temos um site personalizado. Publicamos crítica, oferecemos convites e partilhamos a nossa paixão pelo cinema. Obrigado por fazeres parte dela!

Pub

Deixar uma resposta

%d bloggers like this: