Home » News » Em Dezembro nos cinemas…

Em Dezembro nos cinemas…

 

Duvido seriamente que a Disney/LucasFilm tivessem noção há 3 ou 4 anos que o mês de Dezembro se tornasse tão rapidamente no “mês Star Wars”.

Mas não há como evitá-lo, para mais quando o Episódio VIII está mesmo, mesmo, a chegar! A, aos poucos reconhecida como, saga Skywalker chega ao oitavo episódio, com STAR WARS: THE LAST JEDI. Rey, Kylo, Finn, e Poe (e BB-8) já não são nossos desconhecidos e a nova trilogia pode avançar em termos narrativos. Secretismo tem sido a palavra de ordem e pouco ou nada se sabe do encontro entre Luke e a sua nova discípula, dos novos caminhos da Millennium e do real poder do Dark Side of the Force. Aventura, efeitos especiais, ficção-científica no seu melhor e a latente exigência de ser inovador, humano e surpreendente, depois de A FORCE AWAKENS ter deixado um certo amargo de boca. Até ao Natal será difícil ouvirmos falar de outro filme…

Não é fácil hierarquizar as estreias do mês depois daqui.
Comecemos, então, por WONDER. Apesar de só estrear esta semana, já tivemos oportunidade de ver o filme de Stephen Chbosky, e o mínimo que podemos dizer é que é realmente Encantador. Uma história para toda a família que obrigará pais, mães, filhos, irmãos e avós a refletir sobre os seus problemas e dificuldades… e a relativizá-los. E é sempre tão bom ver Julia Roberts, Owen Wilson e, porque não, os jovens Jacob Tremblay e Izabela Vidovic na grande tela.

De Wonder para WONDER WHEEL e a dose anual de Woody Allen. Longe vão os tempos do seu périplo europeia que lhe valeu os mais rasgados elogios e o reavivar de uma carreira ímpar que parecia meio adormecida entre um certo saudosismo e um excessivo egocentrismo. Coney Island e os anos 50 são o palco para novas (des)aventuras tragicómicas que só o realizador nova iorquino é capaz de congeminar. Kate Winslet, Justin Timberlake Juno Temple e Jim Belushi formam o quarteto de protagonistas de um filme que gira em torno das eternas ligações da Costa Este (dos EUA) à Máfia, passando pelos amores veraneantes e as míticas feiras populares. Com destaque para a sempre imponente Roda Gigante.

De Gigante para, o Maior. THE GREATEST SHOWMAN traz de volta Hugh Jackman para os “palcos”. O ator australiano – muito provavelmente um dos mais versáteis atores da atualidade que vai deste o drama exacerbado disfarçado de filme de super-heróis (i.e. Logan) até ao musical mais atrevido – volta a um género que o celebrizou (i.e. Les Misérables). Com ele temos Michelle Williams, Rebecca Fergunson, Zac Efron e Zendaya, numa mistura de juventude e presença que promete marcar este final de ano. O timing pretendia replicar o fenómeno da mais recente adaptação da obra de Victor Hugo mas teremos mesmo de esperar pelos últimos dias de 2017 para confirmar as expetativas.

Já que estamos numa de cantorias, nada melhor que seguirmos com o ritmo perfeito para PITCH PERFECT 3. É um dos fenómenos da década. Ninguém iria imaginar, em 2012, que um filme com um grupo de raparigas a cantar covers de músicas conhecidas à capela se tornasse num franchise de tanto sucesso. Mas o sonho continua. Anna Kendrick, Rebel Wilson e Hailee Steinfeld estão de volta com a mesma graciosidade de sempre. O efeito surpresa já lá vai mas a falange de fãs, sobretudo do sexo feminino, prometem fazer deste terceiro capítulo um sucesso garantido.

Por falar de meninas que dizer de Nina? Ter um touro por animal de estimação, mesmo em Espanha, só é possível no cinema de animação mas é preciso coragem mesmo que este touro seja tão meiguinho quanto FERDINAND. É daqueles filmes de fazer cair o queixo ao primeiro frame. Pode não ter a eloquência de outras obras do género mas o beicinho do “bicho” é meio caminho andado para o sucesso. Pessoalmente é o primeiro filme de animação que quero mesmo ver este ano. E nem me importo muito se é dobrado ou falado em inglês.

JUMANJI: WELCOME TO THE JUNGLE é daqueles filmes que se ama ou odeia. Remake do filme de 1995 com Robin Williams no papel de protagonista, desta vez cabe a Dwayne Johnson (o homem está em todo o lado!!), Kevin Hart, Jack Black e Karen Gillan, o papel de protagonistas do video-jogo mais perigoso e assustador da história. Aventura, humor, entretenimento e muita maluqueira num verdadeiro hit-or-miss. Bem-vindos à selva, literalmente.

Terminamos com SUBURBICON e a nova incursão de George Clooney pelo universo dos irmãos Coen. Depois de protagonizar 4 filmes realizados pela dupla do Minnesota, com destaque para o mais recente Hail Caesar!, Clooney realiza um argumento da sua autoria. E nem era necessário qualquer referência à autoria da história. As primeiras imagens de Matt Damon como Gardner Lodge são mais do que suficientes para perceber o humor negro (negríssimo!), a violência, a originalidade e a irreverência que servem de padrão aos filmes dos irmãos. O elenco conta ainda com Julianne Moore, Oscar Isaac e o jovem Noah Jupe (Wonder).

Nota final para 2 filmes que surgiam no nosso resumo ao que de melhor Novembro nos tinha para oferecer, em termos cinematográficos, e que acabaram por ver as suas estreias resvalar para Dezembro: LAST FLAG FLYING e 120 BATTEMENTS PAR MINUTE. Ambos, agora, com estreia marcada a 7 de Dezembro.

Star Wars: Os Últimos Jedi, Roda Gigante, Suburbicon e Ritmo Perfeito 3 são distribuídos pela NOS Audiovisuais.
Ferdinando, Jumanji: Bem-Vindos à Selva e O Grande Showman são distribuídos pela Big Pictures Films.
Wonder – Encantador é distribuído pela PRIS Audiovisuais.
120 Batimentos por Minuto é distribuído pela Midas Filmes.
Derradeira Viagem é distribuído pela Cinemundo.

About

Já vão 10 anos desde que começámos este projeto. Expandimos para o facebook, para o twitter, para o youtube para o instagram e agora temos um site personalizado. Publicamos crítica, oferecemos convites e partilhamos a nossa paixão pelo cinema. Obrigado por fazeres parte dela!

Pub

Deixar uma resposta

%d bloggers like this: