Home » News » Em Setembro, nos Cinemas…

Em Setembro, nos Cinemas…

Desta vez podiam ter sido 10, 11 ou mesmo 12 filmes mas por uma ou outra razão optamos por manter “a prova dos 9”!

Um rol diversificado, competente e para todos os gostos, numa rentrée que pode não ter um líder incontestável – como acontecia em Agosto com Fallout – mas que promete captar a atenção dos cinéfilos e espetadores nacionais.

Começamos por BLACKKKLANSMAN. Spike Lee um dos mais conceituados e polémicos realizadores norte-americanos, volta a conduzir um filme com potencial para deixar a sua marca na temporada dos prémios. Depois de nos anos 80 ter catapultado Denzel Washington para as luzes da ribalta, Lee tem à sua disposição John David Washington (exatamente filho de Denzel) e, não menos importante, Adam Driver. Elementos mais do que suficientes para despertar a nossa atenção mas melhora, e muito, daqui para a frente. O filme conta a história VERÍDICA de Ron Stallworth, um polícia afro-americano do estado do Colorado que na década de 70 conseguiu infiltrar-se na alta cúpula do Ku Klux Klan. Misto de comédia, drama e filme biográfico, o ponto de partida é fantástico e as primeira críticas, também!

Mantemos o registo mais leve e bem humorado, ainda que num target totalmente distinto. BOOK CLUB tem por enredo a deliciosa história de 4 mulheres com histórias de vida bem distintas que, em idade de reforma, vêm as suas vidas profundamente abaladas. O responsável por esse tremor de terra? Christian Grey! Ou mais propriamente, a escolha de Fifty Shades of Grey como livro do mês no seu Clube de Leitura. Diane Keaton, Jane Fonda, Candice Bergen e Mary Steenburgen são as protagonistas, num filme habilmente equilibrado entre comédia, drama e autenticidade das histórias retratadas. Dirá certamente mais a um público mais maduro mas merece, honestamente, a melhor atenção de todos nós.

Continuamos na comédia, mas agora com algo mais “normal”. Kevin Hart está de regresso aos cinemas nacionais, ainda que desta vez sem qualquer amuleto (i.e. Dwayne Johnson, Will Ferrell ou Ice Cube). Desde The Wedding Ringer que tal não acontecia mas o seu estatuto, reforçado pelas anteriores colaborações, tornaram o baixinho numa das referências da comédia norte-americana. O enredo gira em torno de um bizarro grupo de adultos que regressa à escola (noturna) para tentar completar o ensino secundário, apenas para se meter em mais confusões. Esperam-se alguns excessos mas igualmente algumas boas gargalhadas neste NIGHT SCHOOL!

Mudamos totalmente de registo para descobrir a mais recente colaboração de Mark Wahlberg e Peter Berg. Depois de Lone Survivor, Deepwater Horizon e Patriots Day, três filmes de créditos inquestionáveis (e que têm em comum a veracidade das suas histórias), a dupla vira-se agora para a ação, campo onde ambos estão perfeitamente à vontade. MILE 22 acompanha um exclusivo grupo de operacionais, conhecido como o último recurso em missões de alto risco que é chamado a prestar serviços num caso de espionagem. Ação de grande qualidade, um argumento desafiante e o inegável estatuto de Wahlberg como um dos grandes protagonistas de Hollywood da atualidade e de Berg como um dos realizadores mais entusiasmantes.

Ação, agora no feminino. Jennifer Garner que no início do século foi uma das grandes impulsionadores do movimento que agora começa a dar frutos, no que à igualmente de géneros diz respeito (fruto da série Alias e de Elektra, sobretudo) está de regresso a um registo que tão bem conhece. PEPPERMINT é o típico filme de vingança em que uma mãe assume, pelas próprias mãos, a investigação e punição dos assassinatos do seu marido e filha. Se ainda não despertou a vossa curiosidade, esperem pelo nome do realizador. O francês Pierre Morel (Taken, From Paris with Love) é o senhor atrás das câmaras e isso é, per si, mais do que suficiente para captar a nossa atenção.

Quem também não escapou à nossa atenção, foi o regresso de THE PREDATOR à 7ª arte. Já passaram 30 anos desde que Arnold Schwarzenegger defrontou o mais temível dos extra-terrestres. De lá para cá seguiram-se 4 filmes (2 com a parceria de Aliens) ainda que nenhum sem o impacto ou qualidade do filme original. Chega agora a vez de Shane Black (Kiss Kiss Bang Bang, Iron Man 3, Nice Guys) assumir as rédeas de um franchise a necessitar desesperadamente de um grande sucesso. A principal diferença face aos seus antecessores está no total enfoque no próprio Predador, cujas motivações e derivações prometem surpreender os fãs da saga e atrair novos e velhos fãs. O jovem Jacob Tremblay, Sterling K. Brown, Olivia Munn, Trevante Rhodes e Boyd Holbrook são os nomes mais “sonantes”.

Regressamos às histórias verídicas e incríveis. AMERICAN ANIMALS conta a história de 4 jovens amigos que planearam e executaram(?) um dos mais audaciosos roubos da história recente norte-americana. O objeto deste heist movie é um valiosíssimo conjunto de livros em exposição na Biblioteca da Universidade de Kentucky que serão o alvo de 4 ladrões com máscaras de animais (americanos). Para além da história verídica destacam-se o nome dos 4 jovens protgonistas: Evan Peters (o Quicksilver dos X-Men), Blake Jenner (Everybody Wants Some!!), Barry Keoghan (Dunkirk, The Killing of a Sacred Deer) e Jared Abrahamson. Promete.

Por falar em incrível que dizer de SEARCHING. Totalmente apresentado através dos ecrãs de computadores e smartphones, o filme de Aneesh Chaganty prima pela originalidade e coragem do conceito referido. E não é só uma boa ideia. As crónicas que vamos lendo desde a sua estreia no Festival de Sundance falam de um dos grandes filmes deste ano do denominado cinema independente norte-americano. John Cho (Star Trek, Harold & Kumar) é o protagonista, nomeadamente um pai algo ausente que após o desaparecimento da sua filha adolescente (a estreante Michelle La), recupera o seu rasto digital para tentar compreender o que lhe aconteceu… e quem ela realmente é.

Fechamos com outro thriller. Anna Kendrick e Blake Lively protagonizam o filme de Paul Feig (habitual colaborador de Melissa McCarthy) que muda por completo de registo com um intenso drama sobre duas mulheres que partilham (ou talvez não!) um terrível segredo. Baseado no romance homónimo da jovem Darcey Bell, preparem-se para serem surpreendidos, enganados e maravilhados. A SIMPLE FAVOR é o sugestivo título de uma obra que promete fazer saltar os espetadores da cadeira… e não só! É, seguramente, um dos filmes mais aguardados deste final de ano.

Blackkklansman e A Turma da Noite são distribuídos pela NOS Audiovisuais.
O Predador e Pesquisa Obsessiva são distribuídos pela Big Picture Films.
Do Jeito que Elas Querem e Um Pequeno Favor são distribuídos pela Pris Audiovisuais.
Mile 22 e Peppermint são distribuídos pela Cinemundo.
American Animals – O Assalto é distribuído pela Films4You.

About

Já vão 10 anos desde que começámos este projeto. Expandimos para o facebook, para o twitter, para o youtube para o instagram e agora temos um site personalizado. Publicamos crítica, oferecemos convites e partilhamos a nossa paixão pelo cinema. Obrigado por fazeres parte dela!

Pub

Deixar uma resposta

%d bloggers like this: