Home » Estreias » “Um Pequeno Favor (A Simple Favor)” de Paul Feig

“Um Pequeno Favor (A Simple Favor)” de Paul Feig

Expetativas em alta, um início bastante prometedor. A dúvida. A incerteza. Tensão. Suspense. Mas um desenlace pouco Gone Girl e demasiado Desesperate Housewives

Não vamos, naturalmente, entrar em pormenores – sob pena de revelar em demasia o enredo do filme mas é inegável que sentimos um certo amargo de boca, ao sair da sala de cinema.

Muito bem Anna Kendrick e Blake Lively, especialmente nas cenas em que partilham a tela. Reconhecer o trabalho de Paul Feig, especialmente tem em conta o seu percurso cinematográfico dedicado, até agora, em exclusivo à comédia. Mesmo percebendo que faltou pulso para agarrar o espetador até ao desenlace final.

Stephanie Smothers (Kendrick) e Emily Nelson (Lively) não podiam ser mais diferentes. A primeira dona de casa, viúva, mãe solteira, ativa na comunidade civil e, sobretudo, escolar, blogger nos tempos livres, recatada, prestativa, carinhosa, inócua. Já Emily trabalha na cidade, executiva de salto-alto, altiva, mãe ausente mesmo quando está presente, senhora do seu cocktail vespertino, sedutora, apaixonada.
O acaso, ou algo assim, irá juntar as duas e enquanto os seus filhos brincam juntos depois de escola, elas irão forjar uma improvável amizade. Ou algo assim.
Até que Emily desaparece, sem deixar rasto.

E o filme entra no ponto rebuçado. Emily e Stephanie não serão exatamente quem aparentavam ser. Enumeras possibilidades são apresentadas. Quem será a/o vilã(o)? E a vítima? A motivação e os twists revelam-se imprevisíveis. Como deve ser, nos filmes do género.

Pessoalmente, o desenlace – mais na forma do que no conteúdo – deixou a desejar. A dada altura Feig promete-nos um final arrebatador mas este nunca chega a acontecer. Queriamos mais.

Defensor da máxima que “o melhor da viagem é o caminho”, tendo a aceitar o facto de que o mesmo acontece com este A Simple Favor.

Curiosamente, fica na retina a que soma das partes parece ser melhor do que o todo. Prova do talento dos envolvidos.
…das expetaticas criadas. E da exigência.

Muito bem. Prometemos ser mais comedidas, da próxima vez.

   

Site
Trailer

About

Já vão 10 anos desde que começámos este projeto. Expandimos para o facebook, para o twitter, para o youtube para o instagram e agora temos um site personalizado. Publicamos crítica, oferecemos convites e partilhamos a nossa paixão pelo cinema. Obrigado por fazeres parte dela!

Pub

Deixar uma resposta

%d bloggers like this: