Passatempos Online

Home » News » Em setembro de 2021, nos Cinemas portugueses…

Em setembro de 2021, nos Cinemas portugueses…

A rentrée do Cinema mais relevante dos últimos anos. Seguramente a mais incerta, também. O futuro (próximo) muito dependerá de…

Royal Albert Hall, 28 setembro 2021. Se TUDO correr pelo melhor teremos (finalmente) 007 NO TIME TO DIE nos cinemas, ainda este mês! O 25º filme da saga é indiscutivelmente um dos filmes mais agastados pela pandemia global, mas tudo aponta que será desta que Daniel Craig vestirá, uma última vez, o smoking de 007. Para além dos atuais nomes recorrentes da saga – Ralph Fiennes, Christoph Waltz, Naomie Harris, Ben Whishaw, Jeffrey Wright e, obviamente, Léa Seydoux – o filme conta com as adições de Rami Malek e Ana de Armas nos principais papéis. Bond está de volta, e o(s) seu(s) Aston Martin, também! E isso é TUDO o que nos importa neste momento.

Outra saga interplanetária tem, também, direito a novo episódio. A Marvel e o seu MCU preparam-se, a passos largos, para o futuro… que este mês rima com SHANG-CHI AND THE LEGEND OF THE TEN RINGS. O primeiro super-herói asiático da Marvel, confirma a sua aposta na diversificação do produto, mercado, conceito e protagonistas. Para além do protagonista, Simu Liu, o filme de Destin Daniel Cretton (The Glass Castle, Just Mercy) conta com Awkwafina, Michelle Yeon ou Tony Leung, nos principais papéis. Para além do filme de artes marciais (a lembrar os recentes Mortal Kombal e Snake Eyes), a principal incógnita reside na ligação do filme ao atual MCU, mesmo estando confirmada a presença de personagens de The Incredible Hulk (2008), Iron Man 3 (2013) ou Black Widow (2021). O futuro começa, a 2 de Setembro.

De saga em saga, até AFTER. WE FELL é o 3º capítulo desta Young Adult Adaptation (com o 4º e último filme já concluído e com estreia marcada para 2022). Tessa e Hardin prosseguem o seu crescimento individual e como casal, à medida que se vão deparando com os naturais contratempos que a vida reserva a cada um de nós. Seattle promete um novo rumo para o casal, mas nem tudo serão rosas. Amores, desamores, paixão, desejo e toda uma série de sentimentos e emoções próprios da “flor da idade”. Setembro promete ser ESCALDANTE!

Por falar em regressos, CRY MACHO. Clint Eastwood aos 90(!!!) anos realiza e protagoniza este western moderno sobre um veterano criador de cavalos e estrela dos rodeos que viaja para o México com o intuito de resgatar o filho do seu antigo patrão, envolvido em “negócios perigosos”. Envolto em grande secretismo e com um processo de criação bastante rápido, podemos esperar a habitual suavidade e contundência das histórias de Eastwood, recheadas com uma fotografia e uma banda-sonora de primeira água.

Outro veterano que está de regresso é Woody Allen. Em RIFKIN’S FESTIVAL o realizador nova-iorquino está de volta à Europa, para um dos mais bem guardados(??) segredos espanhóis, San Sebastián. O famoso festival de cinema local é o mote para uma assessora de imprensa (Gina Gershon) e o seu marido (Wallace Shawn) se perderem de amores pela cidade costeira do país basco, ainda que não necessariamente pelas mesmas razões. Atribulações típicas da obra recente de Allen, repletas de sarcasmo, paixão e adultério!

Por falar em lendas, THE GREEN KNIGHT. Dev Patel é o protagonista desta fantasia épica da era medieval, sobre um cavaleiro destemido, audaz e ambicioso que aceita o desafio de uma figura mítica para se tornar no Cavaleiro Verde. David Lowery (The Old Man & the Gun) realiza um filme que promete desafiar lendas e mitos de outros tempos ou não fosse o argumento baseado num romance escrito no século XIV, e versasse sobre os míticos cavaleiros da Távola Redonda. A completar o elenco Alicia Vikander, Joel Edgerton e Sarita Choudhury.

SHADOW IN THE CLOUD tem ares de Overlord, i.e. uma mistura de factos reais da II Guerra Mundial com elementos sobrenaturais e de terror. Tem, também, Chloe Grace Moritz no papel de protagonista, no papel de um piloto que, sem aviso prévio, entra num avião militar com uma mala misteriosa. Ou seja, todos os ingredientes necessários para surpreender (pela positiva). O filme conta ainda com Nick Robinson, Taylor John Smith, Beaulah Koale e Callan Mulvey a bordo da aeronave. Para além de várias surpresas e muitos arrepios!!

Viggo Mortensen é sobretudo conhecido pelo seu papel como Aragorn, porém a trilogia The Lord of the Rings foi talvez o único momento em que o ator norte-americano de origem dinamarquesa fugiu ao seu propósito de fazer cinema sério, contundente e real. FALLING marca a sua estreia como realizador e, obviamente, trata-se de filme sincero recheado de sentido e mensagens poderosas, sobre um idoso que apesar da crescente demência, faz questão de deixar bem marcado o repúdio pelas opções sexuais e familiares do seu filho, que ainda assim o acolhe em sua casa. Daqueles filmes que darão muito que pensar e sentir.

Pode não ser nada, mas Gerard Butler a fazer de herói/vilão tem sempre qualquer coisa que desperta a nossa atenção! COPSHOP não parece ser muito mais do que um singelo filme de ação série B, mas tem um ponto de partida interessante – quando um vigarista de pouca monta se refugia numa esquadrada para tentar escapar a um assassino profissional contratado para o matar – uma dupla de protagonistas, Butler e Frank Grillo de realce e um realizador, Joe Carnahan (The A-Team, Smokin’ Aces) com vasta experiência no género! Vale TUDO, até umas boas gargalhadas, para disfarçar a tensão.

Fechamos o mês com a mais recente aposta do cinema de terror, curiosamente sob a chancela da Walt Disney, mas mais propriamente da Searchlight Pictures. THE NIGHT HOUSE conta a história de uma viúva atormentada pelos segredos obscuros do seu falecido marido. Rebecca Hall protagoniza este thriller de terror psicológico, no qual o lar onde a viúva mora surge como uma das “personagens principais”. E consta que a dose de sustos e arrepios na espinha é considerável! Wake me up when september ends?!? (NOTA: A estreia deste filme foi cancelada.)

007 – Sem Tempo para Morrer, Shang-Chi e a Lenda dos Dez Anéis, A Lenda do Cavaleiro Verde, Rifkin’s Festival e The Night House – Segredo Obscuro são distribuídos pela NOS Audiovisuais.
After – Depois do Desencontro, Cry Macho – A Redenção, O Passageiro Oculto e Copshop são distribuídos pela Cinemundo.
Falling – Um Homem Só é distribuído pela PRIS Audiovisuais.


Comments

Leave a Reply

%d bloggers like this: